Cronologia de Arton

Compartilhar:


Fala galera, matéria de hoje vamos conhecer a Cronologia de Arton

7 Bilhões de Anos atrás
O Nada e o Vazio se unem para gerar Arton e os vinte deuses maiores que formariam o Panteão. Os vinte Deuses são encarregados de reger o mundo de Arton sob a liderança de Khalmyr.

5 bilhões de anos atrás

Azgher e Tenebra, Deuses do Sol e da Noite, lutam entre si iniciando sua batalha por Planos e em Arton

1 bilhão de anos atrás

Uma lágrima de Lena, a Deusa da Vida, preenche os oceanos de Arton com vida. O Grande Oceano molda essa vida em infinitas criaturas, incluindo elfos-do-mar.

700 milhões de anos atrás

Moldados pela mão de Allihanna, a Deusa da Natureza, os seres vivos se arrastam para a terra firme tornando-se anfíbios, flora e bactérias resistentes ao mundo seco.

260 Milhões de anos atrás

Kallyadranoch, Sszzaas, a Divina Serpente e Megalokk iniciam a Era de Megalokk: levando dinossauros, ofídios ancestraisdragões, antropossauros atrozes e monstros a andarem sobre o mundo.

200 Milhões de anos atrás

A Guerra do Crepúsculo de Tenebra e Azgher pelo controle celeste é interrompida por Khalmyr, dividindo suas regências em 12 horas de luz e doze horas de escuridão. Tal batalha levou à criação do Deserto da Perdição, formado pelas cinzas da “eterna” batalha divina. As criaturas de Allihanna começam a evoluir.

65 Milhões de anos atrás

Em julgamento, é decidido que Megalokk e Kallyadranoch devem conter a proliferação de suas crias, de forma à permitir a existência das criações de outros deuses, surgindo pontos como as Sangüinárias. Glórienn então forja os primeiros Eiradaans, que ocupam o Plano de sua Deusa, enquanto o Primeiro Eiradaan, Galron, é oferecido como guardião de Lena.

57 Milhões de anos atrás

Nascidos de Glórienn, os Eiradaans ocupam uma região distante e até hoje desconhecida. Nascidos de Tillian, os primeiros Gnomos ocupam continentes afastados. Kallyadranoch, Tillian e Valkaria criam uma raça secretamente, que futuramente se tornarão os Lefeu.

50 Milhões anos atrás

Tillian enlouquece sem explicação (visita o universo lefeu). Glórienn forja os elfos, resultados de seu poder sem influencia de Kallyadranoch, e os mesmos nascem dos Eiradaans.

40 Milhões de anos atrás

Wynna cria o povo-fada que ocuparia Pondsmânia. O Reino dos Pesadelos ataca Vitália e Galrasia é criada, com a Divina Serpente ocupando-a junto a sua raça antropossaura, afim de guardar o Colosso do Pesadelo neuralizado pela energia positiva de Lena.

890 Mil anos atrás

Khalmyr e Tenebra se apaixonam resultando na criação dos primeiros anões.

230 mil anos atrás

Glórienn decide pôr arte e beleza nas crias de megalokk, contudo as três tentativas são mal sucedidas. Assim surgem Hurlaag, Graolakk e Ragnar, os três goblinoides primordiais e deuses menores que dão origens à suas raças.

180 mil anos atrás

Hyninn, na época um deus menor, cria os primeiros halflings. Os minotauros surgem de uma comunhão entre Allihanna e Valkaria.

160 Mil anos atrás

Valkaria cria os humanos e em seu amor com Lin-Wu, origina os primeiros tamurianos.

500 anos a.C. (antes da civilização humana em Arton)

Os Eiradaans do desconhecido continente élfico, não conseguem mais reproduzir muitos descendentes de sangue puro, e os Altos-elfos começam a tomar a baixa nobreza aos poucos. Homens-Serpentes e Nagas criam uma belíssima civilização no Deserto Sem Retorno.

100 anos a.C.

Início da expansão marítima liderada pelos príncipes-Almirantes Altos-Elfos

0

Frota élfica chega a Arton-Sul e começa a construir o reino de Lenórienn. Primeiras civilizações humanas, porém rústicas, tanto em Arton como em Tamu-ra.

100

Tanna-Toh oferece aos seres humanos o dom da escrita.

254

Hydora, o Dragão-Rei Azul, toma a donzela élfica de Lenórienn, Hana como esposa e ambos dão origem aos elfos-do-céu. Seu irmão mais novo, Khinlanas, inicia o treinamento, sob vigilância de seu pai, para a posse do trono.

391

Começo do conflito entre hobgoblins e elfos, que ficaria conhecido como a Infinita Guerra. Início da época feudal de Tamu-ra.

400

Inicia a Era das Guerras civis em Tamu-ra, atraindo Onis e Akumas cada vez mais para a ilha.

632

Descoberta a existência dos Lefeu por criação dos Três Deuses Revoltosos. Há a batalha no universo Lefeu.

633

Na Revolta dos Três, os criminosos são punidos abrindo duas posições no Panteão. Criação dos Rubis da Virtude por Conselho de Nimb. Os gnomos deixam de nascer no mundo após a saída de Tillian, logo extinguindo-se.

640

Hyninn assume um cargo no Panteão, criando seu próprio rubi.

680

A Imperatriz Shinigami ajuda um reino tamuriano a conquistar terras, mas então surge em Tamu-ra devastando as terras do contratante e iniciando seu plano.

700

Sszzaas rouba os dezenove Rubis da Virtude.

830

Fundação de Tamu-ra, O Império de Jade, com a chegada da corte do Imperador Tekamatsu, filho de Lin-Wu que trouxe a ordem à ilha encerrando as guerras e organizando os territórios e administração. Tekamatsu enfrenta a Imperatriz Shinigami, isolando-a ao sul.

950

Ocorre a Grande Batalha em Lamnor. Os derrotados são exilados para o norte.

1007

Khalmyr é avisado por seu Pégasos e impede o Plano punindo o traidor Sszzaas.  Começa a cruzada contra Sszzaas e os homens-Serpente. Grande batalha de Lamnor contra o Deserto Sem Retorno, império dos homens-cobra. Nekapeth perece em batalha, sendo mumificado.

1020

Caravanas de exilados em Arton Norte encontram a Estátua de Valkaria, erguendo as primeiras casas no marco da civilização humana norte. Essa data, que coincide com o inicio da primavera, fica marcada como o Dia do Reencontro, o mais importante feriados de Arton.

1026

Krilos, após ter sido ressucitado, recebe a missão de erguer a cidadela de Triunphus em Hongari.

1088

Talude chega a Arton.

1095

Fundação da Grande Academia Arcana.

1107

A Ordem Clerical de Sszzaas e os homens-Serpente são considerados totalmente extintos. Salini Alan chega em Triunphus e aloja-se em uma torre.

1130

Salini Alan financia mercenários a buscar um ovo de Moóck em Pyra, Reino de Thyatis.

1140

Primeiro ataque do Moóck à Triunphus e suicídio de Krilos Filho, sumo-sacerdote de Thyatis, abençoando/amaldiçoando a cidade.

1147

O mago Vectorius desiste de ser um aventureiro e se aposenta.

1152

Talude e Vectorius discutem na Feira Anual de Malpetrim.

1254

Nascimento de Tallen Kholdenn Devndeer, atual sumo-sacerdote de Khamyr

1275

Tallen deixa sua vila natal e parte para se tornar aventureiro.

1279

Fundação de Vectora.

1290

Fundação da Ordem dos Cavaleiros de Khalmyr e da Ordem dos Cavaleiros da Luz.

1292

Inicia-se a construção do Palácio Imperial de Valkaria, sob reinado de Philydio, o Tranqüilo.

1305

Morre Arthur Donovan II, fundador da Ordem dos Cavaleiros da Luz.

1312

A Praga Coral é libertada sobre o reino de Lomatubar, quase exterminando os orcs locais com sucesso.

1342

Lorde Niebling, o gnomo, chega a Valkaria.

1343

Nasce Thormy.

1345

A meio-elfa Loriane nace e é abandonada nas proximidades de Khalifor e é “criada” por humanos.

1350

Concluído o Palácio Real de Valkaria

1358

O príncipe Thormy sai pelo mundo em busca de aventuras.

1359

Morre Philydio, o Tranqüilo.

1364

O mais recente eclipse total do sol, nascendo Thwor Ironfist. Thormy retorna com um grupo de aventureiros e assume o trono de Deheon. Por decreto do rei, seus colegas aventureiros formam o primeiro Protetorado do Reino.

1370

Nasce Vladislav Tpish, futuro necromante. Nasce Arkham Braço-Metálico.

1371

Tillian, o mendigo louco, é visto chorando copiosamente aos pés da estátua de Valkaria e passa a viver na cidade.

1375

Nasce Logan Devendeer, futuro paladino de Khalmyr. Inicia a reclusão de Tallen.

1380

O Rei Thormy se casa com Rhavana. Mestre Arsenal vence a guerra em seu mundo, se torna sumo-sacerdote, vivendo com uma dríade em Galrasia aonde começa a recuperar-se de ferimentos graves.

1382

Nasce a princesa Rhana. Arsenal vai às Sanguinárias em busca de seu robô gigante Kishin. Durante o final do ano é assinado o Tratado de Não-Interferência de Lamnor

1384

Primeira aparição de Mestre Arsenal. Momiji dá a luz à Lisandra que passa a viver em Galrasia. Ocorre o rapto da princesa Tanya, levando à formação da Aliança Negra. Razlen Greenleaf, se afasta de Lenórienn voluntáriamente.

1385

Queda da Nação Élfica, encerrando a Infinita Guerra com o massacre aos elfos. Ragnar assume o posto de Deus do Panteão.

1386

Razlen Greenleaf se isola na Floresta dos Espinheiros, que passa a ser chamada apenas de Greenleaf.

1387

Loriane estréia na arena de Valkaria.

1388

Arkam recebe o artefato que lhe daria a alcunha: Braço-Metálico.

1389

Arkam ingressa no Protetorado do Reino.

1390

Thwor detém sua marcha antes de chegar a Khalifor. A Tormenta abate Tamu-ra, O Império de Jade, e o imperador Tekamatsu sacrifica-se teleportando parte da capital para Valkaria.

1397

A Praga Coral de Lomatubar começa a atacar humanos e semihumanos.

1398

Para evitar o casamento com Mitkov, a princesa Rhana foge de Valkaria. Luigi Sortudo é expulso da corte após se tornar inimigo do reino de Sckharshantallas. Uma Área de Tormenta surge do outro lado do Rio dos Deuses, frente ao Reino de Trebuck.

1399

Logan Devendeer parte em missão e conhece Tellanni Dantallas, a Raposa. A Princesa Rhana morre durante um ataque do Moóck e acaba presa em Triunphus.

1400

Thwor Ironfist toma Khalifor e inicia a conquista de Tyrondir. A Tormenta avança sobre Trebuck e toma o Forte Amarid. Ocorre a a batalha de Amarid, quando o exército do Reinado falha em derrotar o Lorde da Tormenta. Niele, a mais famosa arqui-maga elfa é morta pelo grande criminoso Galtran nas proximidades de Valkaria; rumores dizem que na verdade fora obra do Camaleão. É revelada a filha de Mestre Arsenal, Lisandra, uma meio-dríade insana que cuida de uma reserva ao sul de Deheon, o Memorial de Khan.

As montanhas Uivantes começam a degelar inexplicavelmente. Beluhga, a Dragoa Rainha Branca, morre. O Deus Menor Elrophin é liberto de sua prisão feita por Valkaria. Sszzaas retorna ao Panteão com a conclusão de um plano. Mestre Arsenal consegue a Holy Avenger, item mágico mais poderoso de Arton.

1401

Valkaria é libertada no dia do Reencontro, expandindo seu poder por todo o mundo e trazendo aventureiros à fama de serem conhecidos como os Libertadores de Valkaria. O Paladino de Arton é perdoado por ter sido controlado, e retorna à vida. Sszzaas traz á tona sua raça de homens-serpentes e cultistas com a ajuda de Nekapeth. Aventureiros recuperam os rubis da virtude, mas são traídos e o Deus Serpente os pega iniciando um grande plano. Gorendill e muitas outras cidadelas são ameaçadas pelo degelo das Uivantes. Uma pesquisa Planar em Wynlla descobre sobre o robô de Arsenal e é proposta a Operação Colosso ao Conselho de Wynlla que aceita. Thwor Ironfist conquista mais da metade de Tyrondir. Lomatubar recebe ajuda de várias partes do Reinado e funda a Ordem dos Inquisitores da Peste. Torna-se cada vez mais incidente casos de surgimento de usuários de arma de pólvora, mesmo em mãos de heróis. Chegada de Nau de Moreania em Sambúrdia. Diana ascende a Deusa Panteônica do Amor, Beleza e feminilidade.

1402

Sszzaas cria um Anti-Paladino de Arton enquanto, enganados, os Deuses do panteão criam novos rubis pondo no Paladino de Arton. No empate da luta do Paladino contra o Anti-Paladino, Sszzaas tenta pegar os rubis, contudo, falha, sendo despedaçado e enviado à um semi-plano ligado ao Plano Astral por Khalmyr. Há uma terceira busca pelos rubis antes que Arsenal reviva o Anti-Paladino de Arton. Um goblin rastreador, segue um anão em Tyrondir, e descobre os meios de alcançar Doherimm. É iniciada uma invasão ao reino anão por Tyrondir, a partir da Aliança Negra. Yuden inicia a compra de armas de Zakharov, cavalos de Namakah, compra suprimentos de Callistia e treina soldados em técnica de evitar magia com Portsmouth. Aprovado o Projeto de Coridrian sobre a criação de um colosso aos modelos do Kishin para enfrentá-lo. Representantes do Imperador Rei realizam acordos diplomáticos com os Moreau.

1403

Os anões fazem a primeira expedição para impedir o ataque goblinoide, contudo, eles entram com extrema força e tomam o extremo sul do reino subterrâneo. Deheon espiona os feitos de Yuden. Beluhga é revivida antes que o Reinado suma submerso. Nova Ghoriann se livra da maldição graças a aventureiros e faz acordo com a tribo sob ajuda diplomática do Protetorado do Reino. A Ordem de Tanna-toh estabelece sedes nas principais capitais moreau. Yelka, esposa de Throngald Vorlat, é curada por um poder extremamente poderoso conseguido por aventureiros que se tornam Heróis no Reino.

1405

Alegando incapacidade de governo de Thormy e após falecimento de um nobre diplomático Yudeniano na corte de Thormy, Yuden declara guerra e começa a invadir Deheon. O Imperador Rei é informado sobre o eminente movimento do Kishin nas Sanguinárias, e temendo aliança de Arsenal com Yuden, começa a enviar aventureiros para impedir a enorme máquina. Os reinos aliados a Deheon  unem-se contra Yuden, e ajudam Deheon, apenas retardando tal avanço. O Kishin traz destruição por onde passa e chega à Yuden para ajudar no combate. A Operação Colosso é finalizada, e o robô de Coridriann enfrenta o Kishin. Derrota de Mestre Arsenal, que perde o posto e morre, mas a armadura se teletransporta deixando apenas o corpo. Mitkov sitia Valkaria. Luigi e outros aventureiros resgatam Rhana em Triunphus para evitar a conquista do Reinado pelas mãos do tirano. Além de salva, a cidadela se livra totalmente da Benção/Maldição e do Moóck. Rhana escapa da cidade e foge, reaparecendo nas escadarias do Palácio Real, propondo casamento com Mitkov em troca de paz. Aceitando, para humilhar a mulher pelo resto de sua vida, Mitkov encerra a guerra. O Yudennach ganha o título de Sumo-Sacerdote da Guerra, dividindo com aquele que derrotou Arsenal em Guerra (como os sumo-sacerdotes de Azgher dividem os poderes e títulos), erguendo um culto à imagem de Arsenal em seu reino.

Thwor invade Doher, contudo, seu plano falha pelas táticas de anões nos subterrâneos, aproveitando que o avatar de Ragnar sumiu das batalhas. Recuam os monstros até saírem debaixo da terra. Yelka tem gêmeos, sendo que a parteira, contratada por uma família rival aos Vorlat, rapta os dois, sendo que um some para sempre enquanto o outro é cuidado pela tal família, que leva ao regente triste, ganhando sua confiança e a apadrinhagem do menino.

1407

Hammerhead informa ao Reinado a recente invasão. Mitkov oferece ao anão planejamentos de guerra que dão certo e os goblinoides perdem a guerra. Os anões reabrem a Aliança com os humanos. Vectorius é enganado pela própria arrogância e Vectora é roubada por Gaardalokk e Thwor que chacinam a cidade voadora levam para Raarnaak, como fortaleza voadora. Após o temor, Thormy decide invadir Lamnor e derrotar os goblinóides, pedindo ajuda ao Rei Mitkov seu genro, que aceita apenas em troca da metade do Império, deixando apenas o sudoeste e oeste de Arton. Uma coroa é dividida em dois. Mitkov domina a parte “interessante” do Reinado, e assim lidera uma invasão sobre Lamnor usando passagens de Doherimm, navios de Petrynia, Ahlen e corsários, além de mercenários. Jasmirah completa um antigo ritual, tampando o sol, mas é impedida por aventureiros, salvando a regra das 12 horas. E dá-se a Grande Batalha contra a Aliança Negra, ocorrendo um novo eclipse e Thwor perecendo em batalha. Vectora é recuperada e Mitkov falece em peleja com o General Bugbear. Holgor perece, assim como Gaardalokk.

Glórienn clama por ajuda à Tauron. Exércitos de Tapista surgem em Lenórienn em reforços aos elfos, derrotando os goblinoides em meio à guerra. A Deusa Élfica é escravizada pelo Deus da Força. Em Lomatubar, a Rainha Sedmoor perece derrotada por aventureiros, enquanto o rei acaba contraindo a doença, mas sob ajuda do doutor Loghan, um doutor de Sallistick fortuniense, se torna um Hospedeiro da Praga, tenta se suicidar, contudo, é impedido pela promessa de um dia poder ver seu reino curado. Conde Ferren Asloth realiza um ritual de imortalidade, nunca podendo mais morrer por envelhecimento, e assim procura uma cura para si.

Em Trebuck, Shivara Sharpblade invade a Área de Tormenta na tentativa de detê-la com seu exército, e se torna, secretamente, uma algoz da Tormenta sob ordens de Gatzvalith em troca do mesmo não avançar sobre seu reino, nem fazer mal a seu povo.

1408

Elfos retomam Lenórienn, mas nem todos querem morar na cidade de tantas lembranças ruins. Tanya casa-se com Fren, tornando-se regentes da Cidade Élfica. Niele se torna Conselheira de lenórienn e Maga da Corte de Tanya, viajando entre Magika e Arton. Rainha Rhana assume o trono de Imperadora Rainha e de Yuden, levando um filho em seu ventre. Pela cooperação na guerra, Thormy fornece terras aos Nitamurianos nos extremos de Yuden, que Rhana doa em vista do território yudeniano não ser completamente utilizado. Inicia o Êxodo dos Descontentes, Yudenianos que seguem até as terras em Portsmouth que Ferren os doa. Rebeldes tentam assassinar Rhana, contudo, são impedidos por um grupo independente de pistoleiros que desejam trazer a legalidade das armas. Thormy legaliza o uso de pólvora no Reinado, quando aprovado pela corte. Wynlla, Fortuna e Nova Ghondriann são os reinos que não optam por terem pistoleiros legalizados em seus territórios.

O regente de Nova Ghondriann e seu Conselho financiam um projeto de apropriação de terras em Lamnor, para recuperação da história dos reinos humanos e expansão. Ergue-se o Bairro Moreau em Valkaria e Lorde Niebling apresenta o primeiro projeto de dirigível sob colaboração de goblins baloeiros e engenhoqueiros que trabalharam em seu projeto. Rhana deu à luz ao pequeno bebê, prole sua com Mitkov e futuro Rei de Yuden (as esperanças yudenianas estão nele, de forma que um dia traga de volta a glória do reino militar, segmentado e dividido com um povo exótico). Hydora interrompe Vectora por considerar os céus sua morada e deseja taxação em mulheres, o que Vectorius recusa iniciando uma rivalidade entre eles. Coridriann envia pesquisadores à Moreania para estudar os maquinários Darash

Em Kundali, Reino de Tauron, é inciado o Grande Torneio da Arena de Glórienn, aonde os seres mais poderosos do multi-plano irão batalhar em uma demonstração de força sem igual para conquistar o prêmio máximo, a escravidão de uma Deusa Menor. Um grupo de aventureiros clama a ajuda de Lin Wu que permite ser invocado como aliado na batalha final com Tauron para libertá-la, e assim Glórienn conquista a liberdade. O deus tamuriano recusa ser o deus da força, alegando que não a usou contra o minotauro, apenas técnicas. O exército mercenário de Ferren Asloth enfim invade o palácio Caerilech com ajuda dos yudenianos desertores que mudaram para o reino. O próprio conde participa, após ter conseguido a armadura de Arsenal e usá-la durante o combate. Wynlla declara guerra contra Portsmouth pelo ato e provam as maldades do Conde sobre os magos. Thormy tenta impedir, contudo, o conselho wylliense aprova a guerra, e os magos invadem Portsmouth.

Os orcs do norte de Lomatubar avançam sobre o reino devastando o que há pela frente tentando alcançar a capital.

1409

A casa imperial assume pistoleiros de elite para servi-la. Após aprovação, são erguidas novos dirigíveis melhorados, e um torna-se veículo aéreo do Imperador Rei. Os Nitamurianos ergueram metade de suas terras. A área de Tormenta de Zakharov surge, ocupando parte das Uivantes. Ocorre o Grande Torneio de Tauron, aonde o prêmio é a servidão da Deusa Élfica. Ao fim a Deusa é liberta. Colônia Moreau é erguida em Lamnor. Tillian é recebido por Khalmyr e propõe retomar seu poder como Deus Menor para consertar seu erro e é apoiado por Tanna-Toh. Sendo aceito, o Deus faz os gnomos comunicarem-se com Niebling. A Corte Imperial contratam aventureiros para escoltar esses cientistas pelos planos, para que a raça venha a Arton.

Revolta no gueto élfico em Tiberus, em represália, os minotauros resolvem querer servidão em troca de ajudar os elfos de Lenórienn. Uma frota chega em Lenórienn e a ameaça caso não se integrar, Tanya nega. Hydora realiza uma aliança com Vectorius e a cidade voadora recebe uma comitiva de gnomos que chegam por maquina implantada pelos Tecnocratas, sociedade científica de gnomos, liderados pelo Lorde Niebling. A maquina trás gnomos de outros planos exteriores e próximos, de forma a iniciar a população da raça em Arton, assim como elevar a tecnologia e estudos em Vectora. Gnomos e clérigos de Tanna-toh são enviados em missão especial ao Reino de Hydora, Nimbusland, para pesquisar sobre terras flutuantes que lá existem, além de outros materiais. Próximo do final do ano, Niebling parte em viagem pelo Reinado para saber quais as necessidades técnicas daquele mundo “atrasado”. Após muito tempo, Gaardalokk, morto e no reino de Deathok, reuniu toda Aliança Negra que perecera e foi parar naquele mundo, para guiá-los em uma invasão planar a Ninvenciuén junto a Ragnar. Glórienn combate o deus da morte ao lado de seus elfos e não permite intromissão de outra divindade, assim, após fazer o Deus rival tombar, Khalmyr pune toda raça goblinoide ligada a Ragnar e bane ele e seu plano do Panteão, prendendo-os em seu universo. O posto do Panteão fica livre.

Sob ordens da Coroa imperial, Bielfield e Sambúrdia enviam tropas e cavalarias para impedir a continuação da guerra. Após três batalhas vencidas a muito custo, Wynlla assina um tratado de paz já que viu sua economia decair. Ferren Asloth então aparece assassinado em sua cama, e o conselho toma o poder alegando ao povo que se vingaria dos magos que entrassem naquele reino, de forma a nunca mais os traidores de Wynlla poderem fazer algo como foi feito à Asloth. Ladinos roubam a armadura de Arsenal que estava no palácio Erynia. Em Lomatubar os orcs são detidos, e a Praga some do Reino completamente. O Regente Sedmoor morre sorrindo e deixa no poder um dos heróis conhecidos como, Os Saudáveis.

1410

A colônia de Nova Ghondriann ergue-se aonde localizava seu antigo reino e começa a contratar mercenários e demais aventureiros para livrar essa região dos monstros escondidos nas ruínas. Uma frota de navios táuricos é avistada passando pelo Mar Negro e logo Thormy é informado, pedindo explicações à Aurakas. Uma área de Tormenta surge no centro do Reinado, pegando o norte de Yuden, Nova Nitamu-ra, o sul de Sallistick e Namalkah. O filho de Rhana foge do palácio. Arsenal combate no Torneio do Deus Guerreiro em Werra, usando sua armadura reformada com tecnologia Darash e ainda trás um novo constructo, conhecido como Shidesu, muito maior e superior ao Kishin que usara em Arton. Derrotando Keenn, se torna o novo Deus da Guerra. O filho de Rhana é visto entrando na Área de Tormenta, e ela começa a unir tropas com Nova Tamu-ra para invadir o local.

Os Minotauros ignoram os pedidos de Thormy e cercam a costa próxima à cidade de Lenórienn e desembarcam as infantarias para subjugar os elfos. Navios de Petrynia e corsários cercam as naus táuricas enquanto as colônias em  Lamnor ajudam a Nação Élfica a resistir à conquista. Os minotauros retornam com alguns navios e nenhum elfo. Logo em Hershey há revoltas contra a dominação taurica e o gueto élfico inicia uma guerra civil dentro de Tiberus. Tapista perde Hershey e contém a revolta dos elfos. Aurakas declara um período de preparo bélico para o Reinado de exatos dois anos. Alguns elfos e clérigos de Tanna-toh são financiados para ir além-mar para encontrar o tal reino dos descentes dos elfos. Lisandra enlouquece após anos em uma aventura secreta, cria uma torre nas montanhas de Galrasia, destrói vilas na costa de Petrynia como Malpetrim, e é impedida por Talude, Vectorius, avatar de Arsenal e alguns heróis que viajavam com ela. Ocorre o Dia da Naja. Os céus do mundo inteiro são escrecidos por nuvens negras de chuva ácida, quando não de serpentes. Quase todo liguido do mundo se torna um veneno bastante breve, e as pessoas adoecem inexplicavelmente. Sszzaas retornou, pegou os rubis do Paladino e do Anti-paladino e derrotou Khalmyr prendendo todos os deuses em um rubi. Transformou a Holy Avenger em sua versão de trevas e é derrotado por aventureiros que tornam-se os Elegidos Divinos, que passam a servir aos Deuses do Panteão. O Paladino de Arton livra-se de sua maldição e torna-se um Escolhido do Panteão e seu Guerreiro Sagrado Máximo. Sszzaas é banido para um multi-verso longinguo. Lisandra é julgada e aprisionada por magia de Talude e Vectorius no Memorial de Khan, para ali viver, caso se afaste por mais de uma semana, simplesmente seria trazida devolta magicamente.

1411

Rhana e Nova Tamu-ra atacam a Área de Tormenta de Yuden, invadindo-a e lutando pela libertação, contudo, não encontram um Lorde, e Rhana é morta pelo próprio filho, feito de Algoz da Tormenta. Os Yudenianos clamam para que ele, que adora a imagem do pai, assuma o trono, Nova Nitamu-ra combate o pequeno e o exercito de demônios que o segue, assim como os Yudenianos, vencendo e tomando a parte que antes era Yuden. Em Portsmouth Nitamurianos são caçados e mortos, quase levando Shiro Nomatsu a declarar guerra a eles, se não fosse intervenção do Imperador Rei que envia o nobre Duque Sir. Themmu Erenbolanch Dorovak Nova Raidius, um mosqueteiro real aposentado pelo acidente com sua perna esquerda, agora de metal, para reger o reino, sem saberem que o mesmo é transformado em um controlado pelos Graath. Nova Tamu-ra e Doherimm unem-se a Zakharov em uma investida contra a Área de Tormenta de Zakharov, destruindo seu lorde. Shiro se torna um Discípulo da Tormenta, mas não é controlado pelo poder, usando-o contra ela. O Imperador Rei e Rhavana, não mais tão jovens, lamentam a morte da filha e preocupam-se  com o futuro do Trono de Imperador Rei.

Após tanto culto à ciência e a necessidade de ajudar os povos a desenvolver algo, Tillian é reaceito no Panteão. Tauron encontra-se com Glórienn e indaga se deseja um combate, e ela aceita se ela puder ter aliados. Arsenal põe lenha na disputa e prepara o mundo para mais derramamento de sangue. Lorde Niebling volta ao Palácio Imperial desenvolvendo engenhocas sem cessar.

1412

Guerras Táuricas e Kallyadranoch é liberto de sua prisão na Montanha do Dragão Adormecido nas Sanguinárias.

1418

Morte do Imperador Rei Thormy deixando Rhavana no poder. Reaparecimento de Rhana, após ter sua alma salva da área de tormenta que tem ao norte de Nova Nitamu-ra. Ela reassume o trono junto a um grande aventureiro que conhecera e desejara se casar. Yelka perece anos após ter Thorngald Vorlat morto pelos minotauros, então seu filho Briann Vorlat assume aos treze anos com regência de Ahlen da família rival. Uma outra família traz o gêmeo sumido, que foi criado por camponeses, para desestabilizar a regência de Ahlen.

1424

Sszzaas realiza uma aliança secreta com o Universo lefeu.


Nenhum comentário